Catação – Zoológica e separação de misturas

O termo catação pode ser utilizado de formas diferenciadas, afinal existem dois tipos de catação. A catação dentro do campo da zoologia, é voltado para o comportamento entre animais (de uma mesma espécie ou não). Já dentro do campo da separação de misturas, é um termo característico de trabalho, função ou técnica voltado para realização de separação de materiais. Vamos nos aprofundar melhor em cada tipo de catação, conhecendo explicações mais aprofundadas e exemplos a seguir.

Catação - Zoológica e separação de misturas
Foto: Reprodução

Catação em zoologia

No campo da zoologia a catação é um termo que se refere ao hábito encontrado em vários animais, de buscar, procurar ou catar entre os pelos de outro animal, de sua espécie ou não, ectoparasitas (parasitas que se instalam na superfície do corpo, como por exemplo, piolhos, ácaro vermelho, pulgas, carrapatos e sanguessugas, entre outros).

Tipos de catação em zoologia

  • Catação: Um exemplo é quando um pássaro de uma determinada espécie realiza a catação de ectoparasitas em mamíferos, como elefantes, rinocerontes ou girafas.
  • Catação social: Quando a catação ocorre entre animais da mesma espécie, como por exemplo, entre os primatas, popularmente conhecidos como macacos. Para estes, membros de uma mesma comunidade, a catação tem como finalidade fortalecer o vínculo afetivo e manter a unidade e saúde do grupo.
  • Autocatação: Se o animal decide realizar a catação em si mesmo, esta é chamada de autocatação, tendo como finalidade de manter a higiene de seu corpo.

Separação de misturas – Método da catação

A separação de misturas é a separação de substancias do tipo “sólido-sólido”, que são selecionadas manualmente através de pinça, colher, ou outro objeto que ajude na separação. Como exemplo, podemos citar a catação de grãos bons e ruins de feijão.

O termo catação, também pode ser utilizado para separar diferentes tipos de materiais que compõem o lixo, como o vidro, metais, borracha, papel, plástico, entre outros, destinados à reciclagem.

Dentro do método de separação de sólidos podemos utilizar além da catação, outras formas, cada uma com as suas especialidades e focos diferenciados, como por exemplo, a levitação, dissolução peneiração, separação magnética, ventilação e dissolução fracionaria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *