Nêmesis – A deusa da mitologia grega

A mitologia grega é muito rica em suas histórias, estas são cheias de deuses e lutas. Entre esses deuses está Nêmesis, uma deusa muito bela que defendia a ética. Em alguns momentos fazia o bem, em outros fazia o mal, como forma de vingança ou punição por algum ato cometido. Conheça agora um pouco mais sobre essa deusa.

Quem era?

Nêmesis é uma deusa da mitologia grega. A palavra Nêmesis vem do verbo distribuir, mas já foi utilizada com diferentes significados por diversos autores. Quando escreveu a Odisseia, Homero utilizou com o sentido de desdém, da mesma forma fez Aristóteles. Mas, Heródoto, Claudio Eliano e Plutarco deram a ela o sentido de vingança.

A deusa faz referência à harmonia que deve haver no mundo, compensando bem com o mal de forma igual, para que haja equilíbrio. Ela era descrita como detentora de uma beleza que se comparava a da deusa Afrodite (deusa do amor), que chegou a atrair até o desejo de Zeus. A relação entre eles dois teria gerado Helena de Esparta e Pólux. Em suas representações artísticas a deusa geralmente aparece com asas.

Nêmesis – A deusa da mitologia grega
Foto: Reprodução

Na mitologia grega

Nêmesis era uma deusa da segunda geração, filha da deusa Nix (deusa da noite), nasceu ao mesmo tempo em que Gaia concebeu Têmis. Por estar preocupada com Têmis, Gaia entregou-a a Nix para que cuidasse dela longe das loucuras de Urano. Mas Nix, já cansada, entregou Nêmesis e Têmis aos cuidados das moiras, que eram as deusas do destino.

As duas deusas foram criadas como irmãs e educadas por Cloto, Láquesis e Átropo. Elas possuíam atributos comuns e tiveram a mesma educação. Têmis tornou-se a personificação da ética e Nêmesis a personificação da retribuição e da justiça distributiva.

A importância da deusa

Essa deusa era encarregada de abater a desmesura, censurando o excesso de felicidade ou de orgulho dos reis. Um exemplo foi Creso, o rei da Lídia, este era um rei muito feliz com suas riquezas e seu poder. A deusa o castigou, levando-o à guerra contra Ciro II, rei da Pérsia. O reino caiu em ruínas e desgraça, compensando os excessos que faziam o rei feliz anteriormente.

Narciso

Outro no mito no qual Nêmesis faz parte é o de Narciso. Que era um homem extremamente contente com a sua beleza, ele desprezava o amor por isso. E consequentemente, acabava ferindo o coração de muitas jovens donzelas. Estas, desprezadas e muito tristes, pediram vingança à deusa Nêmesis.

A deusa causou um forte calor na terra para punir Narciso, com a alta temperatura, após uma caçada ele foi a uma fonte de água cristalina para se refrescar. Neste momento Narciso se deparou com o reflexo do seu belo rosto e apaixonou-se pela sua própria imagem. Como era incapaz de satisfazer a sua paixão, ele definhou até a morte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *